PSICOLOGIA ESCOLAR: ÁRVORE GENEALÓGICA DA ESCOLARIDADE

Os acadêmicos da disciplina Psicologia Escolar do curso de Psicologia da FISMA, participaram de um trabalho interativo de pesquisa. Intitulado “Árvore genealógica da escolaridade”, os alunos realizaram essa pesquisa junto de suas famílias para saber a escolaridade de cada um e analisar como vem se dando o acesso à educação em suas famílias ao longo dos diferentes períodos e gerações.

Assim, quando compartilhadas as árvores, vários aspectos históricos da educação brasileira e também algumas políticas educacionais, foram analisados. “Percebemos que em muitas famílias o acesso, especialmente ao ensino superior, só ocorreu a partir da geração dos nossos acadêmicos”, revela a professora da disciplina, psicóloga Silvana Borges.

Foram muitas histórias, inclusive muitas delas geraram emoções naqueles que compartilharam suas árvores. Também foi possível verificar que esta atividade gerou aproximação dos estudantes com suas famílias, pois realizaram um resgate histórico e descobriram informações que até então não tinham sobre a escolarização dos seus pais, por exemplo.

Outros temas que surgiram foram: educação e questões de gênero; educação e questões raciais; violência na escola, etc. Conforme a professora Silvana, a atividade foi produtiva e o que foi apresentado nas árvores foi relacionado com os conteúdos da disciplina. “Penso que esta atividade passará a fazer parte da disciplina em todos os semestres. Além dela ter possibilitado essa aproximação, os acadêmicos também puderam construir as árvores de forma livre, utilizando de suas habilidades e criatividade”, afirma a docente.

As árvores que estão na imagem são dos seguintes alunos:
Ana Claudia Paim
Ana Claudia Lopes
Angélica Borges
Caren de godoi Garcia
Eliza de Magalhães da Silva
Etiele Morais Carvalho
Izadora Iracet Fernandes
Maria Albina Maffini
Rogério da Silva Borgias
Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário